Configurando a BIOS






BIOS
Utilizado para dar o boot no computador, ou seja inicia-lo e reconhecer seu hardware cada placa mãe possui sua bios não funcionando em outra.

SETUP
Ele nos fornece acesso para configurar opções de hardware instalado, além de desempenho do sistema , senhas etc.. uma má configuração do setup pode tornar seu computador uma carroça. Neste curso você aprenderá a maneira mais fácil e rápida de configura-lo tornando sua máquina mais rápida tanto para iniciar quanto para trabalhar.

CMOS
Utilizado para armazenar os dados configurados no setup para não perde-los, o cmos contem aproximadamente 128 bytes de memória ram embutido no cartucho da bios, é alimentado por uma bateria que evita a perda dos dados com a máquina desligada.

INCIANDO A CONFIGURAÇÃO

1º STANDARD CMOS SETUP
Nesta parte localiza-se informações básicas sobre o sistema como hora e data e discos instalados é praticamente igual em todos os modelos.

Date/ Time: configura hora e data que será utilizado por vários programas e o relógio do windows.

Hard disks: mostra os discos rígidos instalados na máquina, é possível configurar a quantidade de trilhas e setores destes discos. Em alguns setups basta dar um enter para que o disco seja reconhecido automaticamente, ou então pela opção Auto-Detection  (esta na tela principal do setup) serve para detectar  automaticamente os discos. Também pode ativar o modo LBA opção que deve estar ativado se o disco rígido for maior que 528 megas.

Dicas para melhorar o desempenho do XP





01 − Desinstalando o Windows Messenger (e outros programas):

A Microsoft não disponibilizou um jeito fácil de desinstalar vários programas no Windows XP, como o Windows Messenger, Pinball e outros. Mas a desinstalação destes programas pode ser feita com os seguintes passos: Com o Notepad (Bloco de Notas), abra o arquivo Windows inf sysoc.inf. Na seção Components, remova a palavra hide dos componentes que você deseja desinstalar. Por exemplo, se você quiser desinstalar o Windows Messenger, a linha original msmsgs=msgrocm.dll,OcEntry,msmsgs.inf,hide,7 ficará assim: msmsgs=msgrocm.dll,OcEntry,msmsgs.inf,,7.
Após isso, salve o arquivo e os componentes escolhidos agora poderão ser desinstalados normalmente pelo Painel de Controle (Control Panel) / Adicionar / Remover Programas (Add/Remove Programs). Vale dizer que a primeira palavra em cada linha indica o programa (Pinball, MSWordPad, etc) e para cada uma delas você deve remover a palavra hide para que o aplicativo em questão possa ser removido do Windows XP. Essa mesma dica também funciona no Windows 2000;

02 − Altere as pastas padrão do sistema:

Por padrão, a pasta Meus Documentos fica em C: Documents and Settings usuario Meus Documentos. Se desejar alterar isto, bem como outras pastas, abra o Editor de Registro (regedit.exe) e procure a chave HKEY_CURRENT_USERSoftwareMicrosoftWindowsCurrentVersionExplorerShell Folders. Clique com o botão direito sobre o nome de cada pasta e selecione Modificar. Agora, basta indicar qual o caminho completo e nome de pasta que você quiser;

03 − Apague as pastas especiais dentro de Meus Documentos:

Se não gosta ou não usa as pastas especiais dentro de Meus Documentos, como Minhas Músicas e Minhas Figuras, basta executar o comando regsvr32 /u mydocs.dll em Iniciar / Executar e, em seguida, apagar as pastas indesejadas. Para reverter a ação, execute o comando regsvr32 mydocs.dll. As pastas serão criadas novamente quando o Windows
inicializar;

Instalar Windows XP e Ubuntu a partir do pen USB


Instalar Windows XP e Ubuntu a partir do pen USB

Para quem tem um netbook sem drive externa de dvds e não quer investir numa drive externa e/ou por outro motivo qualquer, ou porque simplesmente precisa de instalar quer o xp, quer o ubuntu a partir duma pen usb.
Este tutorial de instalação do windows xp foi feito utilizando a ferramenta daqui, pelo wimb. A parte do ubuntu já foi da minha autoria.
Ficheiros necessários:
CD/DVD windows XP
usb_multiboot (donwload http://www.easy-share.com/1904706598/usb_multiboot_10.zip)
CD/DVD ubuntu

Instalar o Windows xp numa pen USB:
Extraia o multiboot.zip
Entra na pasta, e corra o USB_MultiBoot_10.cmd.

Carregue numa tecla para continuar, opção H <enter> , (acho que é a melhor, e foi a que usei), vai abrir o HP USB disk Storage, escolha a pen, NTFS, e o nome que deseja, faça close no fim.

Escolha a opçao 1 <enter>, e ponha a drive que tem o seu cd do Windows XP,  vai abrir uma janela a perguntar como quer fazer a instalação, escolha cancel se quiser que seja como o habitual, ou yes se quiser inserir todas as informações agora, e ter uma instalação sem interrupções. (eu escolhi a instalação sem prompts).

Seguidamente escolha a opção 2 <enter e indique a drive da sua pen.

Orientações sobre a placa-mãe



Muito pouco pode ser feito em termos de conserto de uma placa-mãe moderna. Essas placas não
foram feitas para serem consertadas. Se realmente existir um defeito, é provável que seja necessário
fazer a substituição por uma nova.
Montagem por partes - A pesquisa por defeitos em uma placa-mãe envolve testes com o menor
número possível de componentes. Primeiro ligamos a placa-mãe na fonte, no botão Reset e no alto
falante. Instalamos também memória RAM, mesmo que em pequena quantidade. O PC deverá
funcionar, emitindo beeps pelo alto falante. A partir daí, começamos a adicionar outros
componentes, como teclado, placa de vídeo, e assim por diante, até descobrir onde ocorre o defeito.
Nessas condições, o defeito provavelmente não está na placa-mãe, e sim em outro componente
defeituoso ou então causando conflito.
Os piores casos são aqueles em que a placa-mãe fica completamente inativa, sem contar memória,
sem apresentar imagens no vídeo e sem emitir beeps. O problema pode ser muito sério.
Confira os jumpers - Todos os jumpers da placa-mãe devem ser checados. Erros na
programação dos clocks e voltagens do processador impedirão o seu funcionamento.
Também é preciso checar se existe algum jumper relacionado com as memórias. Algumas placas
possuem jumpers para selecionar entre memória de 5 volts e memória de 3,3 volts.
Os módulos FPM e EDO operam com 5 volts, já os módulos SDRAM operam em geral com 3,3
volts, mas existem modelos de 5 volts.
As placas de CPU possuem ainda um jumper relacionado com o envio de corrente da bateria para o
CMOS. Se este jumper estiver configurado de forma errada, a placa-mãe poderá ficar inativa.

Reparar o Windows


Como reparar o Windows sem ter o disco de instalação?



Não é necessário que você tenha o disco de instalação do sistema para recuperá-lo. Veja como fazer.


Computador que não inicializa, sistema que não carrega, programas que travam, lentidão em demasia, ícones mudando sozinhos, danos no registro do Windows e diversos outros problemas como esse já assolaram a maioria dos usuários de PC.

Se você nunca passou por nada disso, é porque ainda não mexeu com isso tempo suficiente para que aconteça. Mas nem sempre é necessário formatar a máquina, pois o sistema poderá ser recuperado.

Alguns problemas que ocorrem no Windows só são possíveis de serem resolvidos com a reparação do sistema. Tal reparação está disponível em todos os discos do Windows, à partir da versão XP. Basta fazer o boot pelo disco, aguardar o carregamento do programa de instalação e, na tela em que a instalação detecta que já há um Windows instalado, escolher a opção “Reparar esta instalação”.

No Windows 7, há ainda a opção de criar um DVD específico para o fim de reparar uma instalação defeituosa, mas em suas versões anteriores, não existe essa possibilidade.


O fato é que quando compramos um computador, nem sempre ele vem acompanhado do disco de instalação do sistema operacional, o que deixa o usuário completamente à mercê de problemas e da solução oferecida pela empresa que montou a máquina.

Por mais que existam soluções nos próprios discos de instalação no sistema, ou mesmo soluções internas, como a criação de DVDs de recuperação, os processos costumam ser pouco amigáveis, deixando o usuário perdido e sem saber o que fazer.

No entanto, existe um programa capaz de fazer tudo isso por você, sem a necessidade do CD ou DVD de instalação do Windows. Ele funciona nas versões XP, Vista e 7 do sistema e é muito simples de usar. Seu nome é Paragon Rescue Kit, que está disponível para download no site do desenvolvedor.

Segredos do Seven

 

 
Após o lançamento da versão Beta 1 do Windows 7, foram anunciados os 30 segredos
do Windows 7. Já é prática comum dos programadores da Microsoft incluirem
pequenos segredos que são descobertos pelos mais curiosos ou revelados
posteriormente.
Os segredos do Windows 7, são consituidos por um conjunto de teclas de atalho,
personalizações e pequenos segredos escondidos nos novos paineis de
administração, que facilitam a utilização do novo sistema operativo. A lista
original foi publicada no blog de Tim Sneath.
1. Gestão de janelas: O Windows 7 torna a gestão de janelas mais fácil: pode-se
fazer o "dock" das janelas à direita ou à esquerda, arrastando a janela para os
extremos do écrã; também se pode maximizar uma janela arrastando-a para o topo;
fazer duplo clique na moldura (ou borda) para maximizar na horizontal ou na
vertical. Também se podem usar as teclas de atalho:
- Win+Seta esquerda ou Win+Seta direita para fazer o "dock";
- Win+Seta acima ou Win+Seta abaixo para maximzar, restuarar / minimizar;
2. Projecção: Para obter a saída de imagem para projectores externos a tecla
Win-P abre uma consola com as diversão opções de saída. A tecla Win+X abre o
Windows Mobility center, com opções extendidas para mudar programas

Para estudar em casa

 Indico a todos os universitários e estudantes esse site para assistir vídeos aulas.
http://www.veduca.com.br/ 
O melhor que é tudo português.